Terça-feira, 23 de Setembro de 2008

O que me disse uma lágrima...

 

-De onde és tu? Qual é o teu nome? Como apareces-te?
 
-Chamo-me lágrima, caí dos teus olhos e vim do teu coração.
Vivo escondida pela tua força…mas agora que a perdes-te já não me consegui sustentar.
Lembro-me que um dia apareci junto com um sorriso teu, estavas feliz e eu magoada abandonei o teu coração e chorei…é sempre tão forte os teus pensamentos…
E eu sou apenas um lágrima…mas que sei de tudo o que o teu coração sente.
Muitos dos que te rodeiam não entendem porque motivo escorro do teu rosto…não percebem que antes de cair do teu rosto já percorri um caminho de dor e magoas…e…se caí foi porque não tinha nem força nem coragem de continuar escondida no teu coração.
Eu tento encontrar a minha liberdade…mas depressa encontro-me presa pela incompreensão daqueles que não me querem nem sequer me encontrar.
Muitas vezes, cheguei aos teus olhos….mas não me deixas-te sair e obrigaste-me a voltar para trás e sabes? Esse é sempre o caminho mais doloroso que uma lágrima pode encontrar.
Tu simplesmente não me deste a minha tão desejada liberdade.
Tristemente voltei para o teu coração e foi lá que eu chorei.
Tento sempre encontrar o consolo que tanto preciso nas minhas próprias dores…sabes porque? Porque sou uma simples lágrima e ninguém quer chorar comigo.
 

 

 

publicado por margarida às 21:57
link | comentar | favorito
3 comentários:
De NEOABJECCIONISMO a 23 de Setembro de 2008 às 23:25
Margarida.
Guida
Hoje venho beber das tuas lágrimas, ou da lágrima rebelde que se soltou de dentro do teu coração.
E é uma lágrima diferente das demais que me deste a provar, as de alegria que eram doces e frescas e deslizavam contentes.
Esta é quente e tem um leve sabor amargo que contudo me agrada, porque na tentativa de te expurgar dos desalentos, tudo de ti me sabe a doce .
Tenho saudades do teu riso e do sorriso meigo, da voz suave e terna que me embalava nas tardes serenas de Verão.
Que visão é esta que trazes aos meus olhos, se ainda há bem pouco os teus brilhavam de contentamento? Qual foi a desilusão, a perda, o desalento, que te tornou à lágrima agreste vinda de dentro do coração?
Os teus slides põe-me louco. E já não é o tempo, o meu tempo ,de enlouquecer com slides.
Solta as lágrimas todas para que se misturem e soltem luzes de esperança.
Beijinhos e deixa-me ouvir-te, sentir-te. Não fiques só.


De eu.. a 25 de Setembro de 2008 às 13:10
TU ÉS GRANDE...SABIAS???????????????????
ACREDITA ,,POIS SOU EU Q TE ESTOU A DIZER.
TU ..ÉS PUR MAGIA....
ACREDITA SEMPRE EM TI..
BJSDCS


De Vivian a 25 de Maio de 2009 às 16:06
Adorei o poema acima, lindo mesmo algo saído de um coração que conhece o significado de uma lágrima... bjs


Comentar post

.Todas as fotos aqui publicadas são retiradas da web.SEJA ORIGINAL!!!! DIGA NÃO À CÓPIA... RESPEITE OS DIREITOS DE AUTOR!!!

https://1.bp.blogspot.com/_j3ubHZGDIqo/TTgaUuYnXlI/AAAAAAAAAg0/wGsttV7idGk/S220/Direitos_autorais_%25282%2529.png

.Os meus pensamentos não podem ser presos, levados pelo vento, muito menos cobertos pela areia...pois a liberdade está em sonhar, e o sonhar está na vontade e desejo de AMAR!!!

.Agosto 2015

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1

2
3
4
5
6
7
8

9
10
11
12
13
14
15

16
17
18
19
21
22

23
24
25
26
27
28
29

30
31


.pensamentos recentes

. Olá

. Perder...

. E é isto....

. Preciso de ti...

. (Será) que quero saber?

. ...um dia...talvez...

. Seguir...

. Um sopro...

. Caminhos do destino...

. Tudo passa...

.pensamentos antigos

. Agosto 2015

. Setembro 2014

. Fevereiro 2014

. Novembro 2013

. Setembro 2013

. Junho 2013

. Maio 2013

. Abril 2013

. Março 2013

. Fevereiro 2013

. Janeiro 2013

. Dezembro 2012

. Novembro 2012

. Julho 2012

. Junho 2012

. Maio 2012

. Abril 2012

. Março 2012

. Fevereiro 2012

. Janeiro 2012

. Dezembro 2011

. Novembro 2011

. Outubro 2011

. Setembro 2011

. Agosto 2011

. Julho 2011

. Junho 2011

. Maio 2011

. Abril 2011

. Março 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

blogs SAPO

.subscrever feeds