Quarta-feira, 13 de Agosto de 2008

JÁ...

Já fui amada e odiada
Já fui querida mas também desprezada
Já fui amante e namorada
Já chorei deitada no chão
Já confundi sentimentos
Já chorei ao ouvir música no rádio
Já me senti sozinha no meio de 1000 (mil) pessoas, por sentir a falta de apenas uma
Já vi o pôr-do-sol vermelho e alaranjado
Já tremi por estar nervosa
Já quase morri de amor, mas renasci novamente para ver o sorriso de alguém especial
Já me apaixonei e achei que era para sempre
Já me deitei no jardim de madrugada só para ver a lua ir embora com o nascer do sol
Já chorei por ver amigos irem embora, mas descobri que logo a seguir vêem novos, e a vida é assim mesmo um ir e vir sem razão
Já roubei um beijo a alguém
Já olhei a paisagem de cima de uma serra e mesmo assim não encontrei meu lugar
Já segui por um atalho errado, e mesmo assim continuo a andar por caminhos desconhecidos
Já fiz amigos eternos
Já amei e não fui amada
Já fui amada e não amei
Já perdoei erros imperdoáveis e já fui perdoada
Já fiz coisas por impulso
Já me decepcionei com pessoas que nunca pensei que me decepcionassem
Já abracei para proteger
Já decepcionei alguém
Já chorei sentada no chão no duche
Já dei gargalhadas em momentos que não devia
Já fiz juras eternas
Já telefonei só para ouvir uma voz
Já me apaixonei por um sorriso
Já fiz muitos disparates
Já me arrependi de escolhas que fiz
Já achei que sabia muito e descobri que afinal nada sabia
Já olhei para as estrelas e fiz pedidos à lua
Já desejei um enorme buraco em que eu pudesse esconder-me
Já pensei que fosse morrer de tanta saudade e tive medo de perder alguém especial
Já me queimei por brincar com uma vela
Já conversei com o espelho e me ri a seguir
Já quis ser professora, bailarina, médica, historiadora e trapezista
Já me escondi atrás da cortina e esqueci-me dos pés de fora
Já tomei um banho de chuva e acabei com uma gripe
Já tentei esquecer algumas pessoas, mas descobri que essas são exactamente as mais difíceis de esquecer
Já fiz pedidos a uma estrela cadente
Já me arrependi do que fiz e voltei atrás
Já escrevi no muro da escola
Já toquei a uma campainha e saí a correr
Já fugi de casa para sempre e voltei no outro instante
Já troquei o certo pelo duvidoso
Já chorei até sentir os lábios dormentes
Já apostei em correr descalça na rua
Já gritei de felicidade
Já fui trocada…

Foram tantas coisas feitas, momentos fotografados pelas lentes da emoção, guardadas num baú, chamado CORAÇÃO.
Hoje apaixonei-me pela vida, embora já tenha tido muita raiva dela, mas procuro nas coisas mais simples para encontrar a minha felicidade.
E não estamos só a passar pela vida...
Estamos simplesmente a Experimenta-la a Errar, a  Aprender, a Ensinar e Viver!!!!!

 

publicado por margarida às 21:12
link do post | comentar | favorito
|
2 comentários:
De eu.. a 13 de Agosto de 2008 às 21:56
TAO LINDO ESTE POST..
LINDO PELA SUA SIMPLICIDADE..
LINDO PELO FACTO DE DESCREVER ,,O Q REALMENTE É O VIVER..
POIS O EXISTIR É TUDO ISSO E MUITO MAIS..
TAMBEM EU JA FIZ TUDO ISSO Q AI ESTA ESCRITO,,E E OUTRAS CENAS Q NEM CONTO,,MALUQUICES,,DOIDEIRAS,MAS Q NO FUNDO FAZEM DE MIM A PESSOA Q HOJE SOU..
CADA SER É UM SER LIVRE,,UMA ALMA SEMPRE PRONTA A SAIR DO SEU PROPRIO SER..
NUNCA TE DEZ POR VENCIDA,,VAI SEMPRE ALEM DAQUILO Q PENSAS SER O TEU LIMITE,,POIS NA REALIDADE NAO EXISTE LIMITE PARA AQUELES Q SONHAO,Q DESEJAO,Q SE SENTEM VIVOS..
A VIDA É TAO SIMPLESMENTE A MAIOR AVENTURA Q UM DIA TERAS DE ENFRENTAR..
MAS PARA ISSO SÓ TENS DE TE SENTIR VIVA..
VIVE SEMPRE A VIDA COM EMOÇAO,,COM AMOR,,MAS SEMPRE COM A NUÇAO Q EXISTES..TU ÉS GRANDE SABIAS????????
HELOOOOOOOOOO!!!!!!! ACORDA.. TU EXISTES...
BJSDCS
A VIDA É DE QUEM A SABE SENTIR...
NAO BASTA VIVER..
TENS DE SABER SABORIALA..


De NEOABJECCIONISMO a 15 de Agosto de 2008 às 01:08
Margarida. Por onde temos andado que nos cruzamos sem no tocarmos.
Eu tenho razões para não entrar no teu blog.
Razões de peso. Sendo a principal razão e talvez única, a sedução que ele encerra e transmite. Entro e só vejo cenas de amor, exultantes do belo. A cor, as imagens animadas, as sugestões do menu da esquerda que me arrepiam de sentires que eu já não sei.
Margarida, fico encantado, que queres? E receio de ficar aqui pregado para sempre à espera que edites o próximo post . Ou mudes uma imagem e coloques outra ainda mais poderosa.
E tu? Sentes tudo isto? Ou o teu prazer é apenas criativo?
Quanto ao já. Gosto da garra, do movimento das palavras e de recordar tantas coisas que eu também fiz. As tuas vivências, se as vivestes todas, se não é uma parte de ficção para aligeirar a vida, são marcantes e enriquecedoras se as colocarmos, as partes mais negativas, o serviço do positivismo.
Vim dizer umas palavras. deixaste-me só e pensei que não me querias mais.
Vou voltar mais vezes, se queres que venha.
Beijinhos e


Comentar post

.Todas as fotos aqui publicadas são retiradas da web.SEJA ORIGINAL!!!! DIGA NÃO À CÓPIA... RESPEITE OS DIREITOS DE AUTOR!!!

http://4.bp.blogspot.com/_j3ubHZGDIqo/TTgaUuYnXlI/AAAAAAAAAg0/wGsttV7idGk/S220/Direitos_autorais_%25282%2529.png

.Os meus pensamentos não podem ser presos, levados pelo vento, muito menos cobertos pela areia...pois a liberdade está em sonhar, e o sonhar está na vontade e desejo de AMAR!!!

.visitas ao meu blog

Megafortune

.Agosto 2015

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1

2
3
4
5
6
7
8

9
10
11
12
13
14
15

16
17
18
19
21
22

23
24
25
26
27
28
29

30
31


.pensamentos recentes

. Olá

. Perder...

. E é isto....

. Preciso de ti...

. (Será) que quero saber?

. ...um dia...talvez...

. Seguir...

. Um sopro...

. Caminhos do destino...

. Tudo passa...

.pensamentos antigos

. Agosto 2015

. Setembro 2014

. Fevereiro 2014

. Novembro 2013

. Setembro 2013

. Junho 2013

. Maio 2013

. Abril 2013

. Março 2013

. Fevereiro 2013

. Janeiro 2013

. Dezembro 2012

. Novembro 2012

. Julho 2012

. Junho 2012

. Maio 2012

. Abril 2012

. Março 2012

. Fevereiro 2012

. Janeiro 2012

. Dezembro 2011

. Novembro 2011

. Outubro 2011

. Setembro 2011

. Agosto 2011

. Julho 2011

. Junho 2011

. Maio 2011

. Abril 2011

. Março 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

.Se a minha vida fosse como uma folha colorida porque razão deveria apagar as mensagens que escrevo?

.Amar é uma ocasião sublime, onde se perde de si o fio da razão e permanece a intensa claridade da contemplação do prazer.


Myspace Layouts Facebook Themes

.Saibas ser tu em tudo que fizeres. Saibas ser feliz e infeliz. Enfim, convença-te de que apesar de falhares algumas vezes tu, continuas a ser importante!


Myspace Layouts Facebook Themes

.O momento mais forte do amor, é quando sabemos que ele precisa morrer, mas não temos força para matá-lo.

.O valor das coisas não está no tempo em que elas duram, mas na intensidade com que acontecem. Por isso existem momentos inesquecíveis, coisas inexplicáveis e pessoas incomparáveis.


Myspace Layouts Facebook Themes

.A luz que ilumina meu interior só é forte quando recebe o brilho do teu amor.


Myspace Layouts Facebook Themes

.Palavras são perdidas, promessas são esquecidas, papéis e cartas apodrecem mas o verdadeiro amor é o que permanece...


Myspace Layouts Facebook Themes

.Há momentos na vida em que se deveria calar e deixar que o silêncio falasse ao coração, pois há sentimentos que a linguagem não expressa e há emoções que as palavras não sabem traduzir.


Get your own glitter and more at BlingyBlob.com
Estou no Blog.com.pt
blogs SAPO

.subscrever feeds